domingo, 15 de janeiro de 2017

Instante

" (...) Prompto o jantar, vão p'ra meza
e depois de bem comidos
ficam-se á meza entretidos,
a ajuntar n'um prato os ossos,
E até do chá serem horas

entregam-se ás diversões
do bello quino a feijões
ou da bisca a Padre-nossos.

Apoz o chá, o burguez,
feliz, contente, ditoso,
co'a esposa volta p'ra o goso
dos lençóes frescos, lavados;
a creada arruma a casa, 
e as innocentes donzellas
desesperam ás janellas
á espera dos namorados.

Eis como o burguez do Porto
aos domingos passa a vida
n'esta terra aborrecida,
d'eterna semsaboria,
onde quem quer divertir-se
n'um dia santificado
tem, como prato obrigado:
- Jardim da Cordoaria"

Em Um Certo Porto - Helder Pacheco


Contrariando o ponto de honra do Instagram, mostre mais e escreva menos, mas indo ao encontro da liberdade para a escrita do Blogger, deixamos aqui o nosso endereço, naquela rede social mais pictórica, juntamente com uma fotografia de um cenário que esperamos seja inspirador para as vossas criações. O nosso instante! Fazemos, ainda, uma citação carregada de memória e de identidade portuense, como não poderia deixar de ser, tendo em conta a nossa prezada fonte.


Sem comentários:

Enviar um comentário