terça-feira, 14 de março de 2017

A maravilhosa história do nascimento

Puericultura vintage, ora aí está uma denominação pouco comum de se usar nos meandros das antiguidades, mas, para além de nos soar bem, a nosso ver faz todo o sentido a sua utilização, pois há muita procura pela parafernália antiga utilizada com os mais pequenos. Os carros de bebé são dos acessórios mais procurados e percebe-se a razão pela possibilidade de entender a evolução do design no equipamento. As linhas retro dos carros antigos são muito sedutoras, tanto que há marcas a replicar os modelos vintage, sem esquecer a sua dimensão. Claro que actualmente um "carrinho" de bebé grande acaba por ser também um grande inconveniente, pela questão do espaço que ocupa, mas o certo é que há pais corajosos a utilizá-los e acaba por ser uma recriação giríssima de se observar. Basta uma pesquisa simples no Google para se ter acesso aos mais variados modelos e o realce vai para o legado deixado por algumas marcas inglesas e alemãs, tão demonstrativo até das épocas importantes da história europeia. Uma chupeta antiga é menos comum de se encontrar, pelo menos, em bom estado, já que os seus materiais se degradam, facilmente e naturalmente, com a passagem do tempo. Uma chupeta Chicco, dos anos setenta, acaba por ter um simbolismo especial, pois é referente aos primórdios daquela marca em Portugal e não se pode negar a sua representatividade no dia a dia de quem é pai. Um utensílio, em vidro e borracha, para extracção de leite materno, através de um bombeamento que simula a sucção e um livro auxiliar dos pais completam os elementos presentes na nossa fotografia, mas muitos outros poderíamos ter utilizado. Na verdade, os anos passam, mas os rituais mantêm-se, por isso muitos serão os pais que se identificarão com os objectos relativos à puericultura vintage e com "A maravilhosa história do nascimento".



Sem comentários:

Enviar um comentário