segunda-feira, 8 de maio de 2017

Material Didático

Há pessoas dotadas com a capacidade, inata, de conseguir passar conhecimento ao próximo e algumas dessas pessoas têm o privilégio de exercer as profissões de professores, formadores e outras actividades similares. É comum dizer-se: nasceram para isto! Por norma, os docentes competentes, mas pouco ortodoxos são aqueles que mais marcam quem tem a sorte de com eles se cruzar. O filme O Clube dos Poetas Mortos retrata muito bem esta e outras questões, não o viram?! Fica a sugestão para o fazerem, há vários pontos valiosos abordados na película e que são sempre de útil reflexão. Quem fez a escola primária a partir dos anos setenta e até ao início do novo milénio lembrar-se-á, com certeza, do material didáctico da antiga empresa portuense Agatha. Estamos em comunhão de bens?! Os seus carimbos serão, talvez, as peças mais facilmente reconhecíveis, pois estas faziam parte da panóplia de objectos que auxiliavam os professores primários no ensino aos seus alunos. Quando uma professora primária, em plenos anos oitenta, garantia a existência de adultos a utilizarem aqueles carimbos no exercício das suas profissões só poderíamos estar na presença de uma docente muito à frente no seu tempo, que procurava acrescentar conhecimento fora da norma e induzir o raciocínio. Em resultado da inocência própria da idade, àquelas informações, o máximo que a professora Alice conseguiu arrancar - no momento - foram umas estridentes gargalhadas, mas a "pulga atrás da orelha" ficou em alguns alunos. A maioria desses alunos, daquela que era conhecida como a Escola Primária de Nevogilde, seguiu os estudos em conjunto e pôde perceber, mais à frente no ciclo, que a referência feita pela professora seria a Andy Warhol e à sua obra Purple Cows, parcialmente executada com imagens carimbadas. Como gostaríamos de voltar a discutir o tema com a professora Alice e acrescentar outros nomes de adultos que utilizavam os carimbos nas suas profissões, Manuel Cruz, por exemplo, da banda Ornatos Violeta, que ainda colaborou com a Agatha como ilustrador das icónicas imagens. As condições das escolas evoluíram e, hoje em dia, os professores fazem uso de outro tipo de material didáctico nas escolas, mas, em casa, por exemplo, ainda nos parece, perfeitamente, adequado recorrer-se a este material e executar aquilo que se poderá apelidar de ensinamentos em modo vintage




Em feiras ou lojas de antiguidades ainda se podem encontrar peças da Agatha, mas, se não forem assim tão puristas, também podem aceder a este tipo de carimbos, de marcas mais contemporâneas, é certo, em qualquer superfície comercial. As crianças acham graça, isso está comprovado e fica partilhado!

Sem comentários:

Enviar um comentário